segunda-feira, 17 de maio de 2010

Lixo mental

Cô, desculpe aí lambuzar o nosso blog com essa porcariada toda que me brota da mente atônita com espasmos sôfregos, como se fossem as lavas de um vulcão agora a eruptir.
Meu medo mais íntimo, mais profundo, é que a Pompéia ao redor do Vesúvio o esmague e lhe impeça a atividade.

7 comentários:

Cosette disse...

Qual desculpa qual quê! Deixe a lava escorrer, não tem problema. A mim, ela não queima, faz cócegas.

Jean Valjean disse...

Cô, afora a sua bondade, você é forte pra caramba! Essa é a minha sobrinha...
Obrigado!

Le Vautour disse...

Essa menina, Valjean, essa menina... você tem que aprender a valorizá-la. Já falei: levo para o meu blog. Pense bem!
Quanto às suas postagens, que humorzinho barato, rapaz! O que está acontecendo aí dentro?

Cosette disse...

Estas propostas do Vautour são tentadoras. Trate-me bem!
O humor do meu tio é muito sem noção. Exactamente como eu gosto. Me faz rir quando tem graça e me faz gargalhar ainda mais quando não tem.
Não é prá qualquer um.

Jean Valjean disse...

Cô, o que é isso? Morde e depois assopra? Primeiro ameaça ir voar com o Vautour e depois elogia o meu humor? Dá pra tirar os pés de duas canoas e se fincar aqui, s'il vous plaît?
Humpf

Dama de Cinzas disse...

Estou de volta! E pouco a pouco vou retomando a leitura dos blogs! O seu está entre meus preferidos...rs

Beijocas

Jean Valjean disse...

Seja bem-vinda, Dama! Ainda bem que a cirurgia deu certo (imagino eu. Afinal, você está aqui e firme!).
Obrigado pela preferência!