segunda-feira, 22 de março de 2010

A "nudez" de Noé, o patriarca.

Não consigo crer na versão singela da Bíblia para o episódio da nudez de Noé. Parece-me algo feito AD USUM DELPHINI. Não me apetece.
Em Gênesis, Cap. 9º, versículos 18 a 26, está o emblemático drama familiar. Noé, baixadas as águas do dilúvio, estava secão por um pouco de vinho. Pôs-se a lavrar a terra e a semear, e eis que plantou uma vinha. Quando vieram os capitosos frutos, ele mesmo fez o vinho e se inebriou. Inebriou-se? Vamos ser atuais: o cara tomou um porre do c*r*lho e aí vêm as conseqüências todas de tal ato.
Estava sozinho e, muito provavelmente, masturbou-se: casado com a mesma mulher havia décadas, diz a Bíblia que viveu 950 anos (ops!, a contagem era, provavelmente, outra), estava lá meio carente - ou completamente carente - e mandou ver. Já sob efeito da bebida, e muito possivelmente com a verga enristada, segurou a danada e começou a chacoalhá-la, para cá e para lá, pensando na Angelina Jolie da época (que devia ser um pouco menos bela, mas para quem está morto de fome pão com manteiga é ceia de Natal...).
Depois do êxtase etílico, passada a fase do bode, a do macaco, a do leão, veio a do porco: o cara dormiu e roncou. Estava nu. E muito quero crer que estava todo lambuzado.
Os três filhos dele eram Sem, Cão e Jafet. Em Inglês, Sem, Cham e Japheth. Na Vulgata, Sem, Ham e Iapheth. Eles são os responsáveis pelo repovoamento da Terra, segundo os textos sac(r)os.
Cão (coitado...) saiu à procura do pai e o achou numa tendinha (não aquela que fôra - eu não resisto a estes acentos, Cosette!! - armada e desarmada, mas a tenda em que Noé ficava, quiçá para descansar durante o trabalho, alimentar-se, masturbar-se, etc), desnudo... bom, isso já falei. Só que ele teve uma idéia do Cão (trocadalho fajuto): foi chamar os irmãos. Sem e Jafet, mais velhos e mais experientes, entraram com uma capa na mão, com o rosto virado, e não viram a 'nudez' do pai. Só que delataram Cão, o único que vira o bilau paterno e a lambuzeira que Noé armou na barraquinha. Como nos dez mandamentos Deus já havia dito ser vingativo, e que puniria a maldade dos pais nos filhos, até a terceira ou quarta geração, Noé amaldiçoou Cão e o filho dele, Canaã, que passou a ser escravo de Sem.
Mais trocadalhos: o filho do Cão tornou-se escravo de Sem. Ele era filho do coisa ruim e ficou escravo do coisa nenhuma. Péssima. Os irmãos que não viram (ou fizeram que não viram) a 'nudez' do pai foram abençoados. O pobre do Cão, que viu o cão chupando manga, ou melhor, a manga do cão, já chupada..., esse se pherrou bonito, de verde e amarelo.
A sociedade bíblica é falocrática. E isto não está só no Antigo Testamento, não. Mas nele a falocracia predomina: os homens juravam com a mão sobre o órgão genital; os soldados sodomitas conseguiam manter longas ereções, e "sodomizavam" os invasores daquela 'grande' cidade; Moisés e seu cajado fizeram história; David, coincidência ou não, pequenino, derrota um Filisteu grandão porque lhe joga uma bola de pedra de dentro de uma funda (um saco com uma bola - apenas - dentro); Sansão é o falo que murcha (quando Dalila lhe corta os cabelos) e depois se enrista novamente, e derruba o templo. Chega de exemplos. No Testamento Novo, o 'Varão' de Deus, Gabriel, fecunda Maria (historinha meio estranha também, mas vamos lá). E Jesus, que era, como se diz, o próprio Deus, a bem da verdade não tem falo! Olha, Cosette, nem lhe falo, viu? Ele provavelmente havia um falo, mas, segundo os relatos bíblicos, jamais o usou.
Ah, estou me alongando muito (e não sou falo), pelo que vou parar. Essa masturbação mental está me enchendo o sac(r)o. E olhe: que Noé bateu umazinha lá, ah, ele bateu. Azar do Cão, que viu o resultado, a meleca que o pai fez (mas a fez, propriamente dita, fica para outra postagem).
Saramago, conta o resto aí?
Putz, Cosette, só agora, relendo esta b* de texto, vi que você escreveu, abaixo, sobre uma noite do cão hahahahahahaha!

3 comentários:

Cosette disse...

Putz ... mas eu ri tanto, mas tanto, mas taaanto! E senti tanto nojo da “inhanha” de Noé! Credoooo!Hahahaha
Eu queria colocar aqui a parte que mais ri, mas tou com os olhos tão cheios d’água que não estou enxergando coisa alguma!

Depois volto com mais calma.

Le Vautour disse...

Cosette, o seu tio vai para o inferno, por isto, e você ri?? Jean, isto foi muito feio da sua parte.

Jean Valjean disse...

Vautour, vou para o inferno por vários motivos. Se for elencá-los, preciso montar um livro de danações à parte; logo, sendo este apenas mais um, nem ligo.